Não há Pachorra


Há EMERGÊNCIAS e emergências
Carlos Afonso

Duas jovens adolescentes que se tornaram personagens globais num curto espaço de tempo, com direito a dirigirem-se ao mundo no palco da ONU. Uma (Greta), nascida num dos países mais desenvolvidos do planeta, ficou conhecida por fazer greve às aulas, com o objectivo de alertar o mundo para os problemas climáticos do planeta. A outra (Malala), paquistanesa de origem humilde, ficou conhecida mundialmente depois de ter sido perseguida e baleada na cabeça, por desafiar os talibãs ao ir à escola quando tinha 15 anos. Greta tem milhões de seguidores nas escolas e universidades, nas ruas, nas redes sociais, nos jornais e televisões. Malala tem milhões de impossibilitados de a seguirem no direito a estudar por motivos políticos, religiosos ou económicos. Milhões que são forçados a trabalhar desde a infância para produzir alimentos, vestuário, "gadgets", destinados aos da mesma idade que se mobilizam para reclamarem a EMERGÊNCIA de salvar o planeta. E quem reclama a emergência de salvar aqueles? Ah, esses não chateiam nem votam ou dão votos...